Consolidação de Help Desk’s

Esses dias acompanhava animado debate numa lista de discussão do Yahoo (ITIL-Service) sobre consolidação de Help Desk’s (e Service Desks).

A turma discutindo as vantagens dessa tendência moderna em detonar várias áreas de suporte técnico e concentrá-las em uma super-big central que receberia tudo de todos.

E o povo, pulando mais que pipoca na panela, se animando e apresentando os benefícios: utilização de um único produto para gerenciamento de incidentes (e problemas, e configuração, e blá-blá-blá), economia de recursos duplicados (ou triplicados).

Múltiplos processos reduzidos e ambiente mais fácil de gerenciar. Diminuição da redundância. Parafernália tecnológica reduzida e padronizada.

Fui furungar pela internet e achei uma penca destas idéias expostas neste artigo de Doug Mueller do SDA Asia Magazine.

E tudo isso com um PLUS: o usuário-final não tem noção alguma de que está ligando para um Help Desk consolidado, totalmente centralizado.

Ah, é?!

Minha saída do HDO

No ano de 2003 eu e Hetel Semer criamos a primeira entidade nacional voltada para o ensino formal de Help Desk. Foi um trabalho árduo de criação de cursos, revisão, viagens, definição de logotipia, sedimentação da marca HDO no mercado corporativo, etc.

Depois de algum tempo, conseguimos ver nosso esforço ser reconhecido através da procura por treinamento, da publicação de nossos artigos em mídia especializada e também pela forma mais simples e direta: e-mails agradecendo a iniciativa. Ou cumprimentos pessoais em eventos.

Contudo, quero dizer que já não faço mais parte da instituição.

IT WEB: artigaram-me!!!

Uau, super legal a jornalista Roberta Prescott.

Dia desses conversávamos sobre as questões de Help Desk e Service Desk, como as empresas não valorizam o suficiente um departamento que dá suporte para as suas áreas de negócio e mais alguns assuntos, e a moça gerou um artigo no IT WEB, da poderosa empresa de mídia sobre informática corporativa: ITMIDIA.

Dêem uma espiada no artigo inteiro que reproduzo aqui.