Gauchadas em Saint Paul

Bah.

Prezado leitor, tudo começou quando resolvi aproveitar a promoção da GOL “Compre sua passagem e ganhe o trecho de volta de graça“.

Desatento, acabei comprando com ida e retorno. Mas por Guarulhos, lá no final-do-mundo. Lugar que detesto e tenho más lembranças…

Momento 1

OK, quinta-feira passada nosso avião chegava em Sampa, ruído de trem-de-pouso baixando e…

Ruído de trem-de-pouso sendo recolhido?!

“Senhoras e senhores: a torre aérea informa que, devido ao mau tempo, continuaremos rodeando o aeroporto por mais 20 minutos..”

Daqui a pouco mais outro anúncio de novo incremento de 20 minutos.

Conferência de métricas em abril

Neste dia 12 de abril que vem chegando, um sábado, realizaremos uma nova jornada reunindo supervisores de Help Desk e Service Desk. Dessa vez a 4HD Conference terá como tema “MÉTRICAS E KPI’s“. Pra isso estou me preparando… Em novembro de 2007 comprei da Amazon um livro muito interessante chamado METRICS for IT Service Management.…

Firemanit-il

Neste final-de-semana ficamos, toda a equipe técnica, enfurnada na SIAL com o mestre Ery Jardim discutindo os conceitos de ITIL dentro do Fireman e e nos futuros módulos. Eu sei ITIL pra caramba – pouco modesto – mas como “santo de casa não faz milagres“, é sempre bom alguém de fora corroborar questões. E neste…

ITIL e SOX: nada a ver!

Você está querendo implantar o ITIL para adequar sua empresa à lei Sarbanes-Oxley? Yes? Hummm… Pense duas vezes. Segundo o comentário do articulista Ross Armstrong, em seu texto SOX and ITIL: There Is No Dotted-Line Relationship! publicado no Sarbanes-Oxley Compliance Journal, não há uma relação direta entre SOX e ITIL. Projetar processos internos de segurança…

Metodologia para definição de prazos

Hehehehe, é pra sorrir um pouco… Alguma descontração nesta segunda-feira, início de mês. Chegou pra mim semana passada pela Sônia Bertini, da Lojas Renner… Também aplicável a muitos Help Desk e Service Desks… Dicionário Brasileiro de Prazos Para evitar que estrangeiros fiquem “pegando injustamente no nosso pé”, está-se compilando o “Dicionário Brasileiro de Prazos”, que…

Para onde caminha sua carreira de Help Desk

Nos vários cursos, seminários e conferências que realizo há um temor crescente.

ITIL e outras boas práticas recomendam que o primeiro nível de suporte técnico seja quase robotizado: atende o usuário, se não encontra a solução na base de conhecimento transfere o incidente para outra camada de atendimento.

Simples e incisivo como descrevi.

É claro que numerosos analistas de Help Desk e Service Desk que se especializaram em realizar ótimos diagnósticos de problemas encontram-se… Assustados!

Nível superior completo, boa bagagem cultural e habilidades interpessoais, longa experiência no ramo… Sendo jogados no ralo!

Bloqueie a incomodação

Eu sou usuário do navegador de internet Firefox há um tempão. Há alguns semanas atrás migrei também do Outlook Express para o Thunderbird. Acho que a maioria dos produtos (Outlook x Thunderbird, FireFox e IE) são bons, contudo… A diferença nos meus preferidos é a capacidade de integrar complementos que adicionam funcionalidades aos mesmos. Há…

Meu Carnaval, Long tail, The paradox of choice e catálogo de serviços

Pois então. Cá estamos novamente. De retorno da minha folga de carnaval. E de inhapa, vou relatar os acontecimentos que me pareceram relevantes…

Pra início de conversa, saímos (eu e minha família) às 06:30 de Porto Alegre rumo à Ponta do Papagaio. Essa praia fica a uns 20 kms ao sul de Florianópolis, próxima da Pinheira, Guarda do Embaú e Praia do Sonho. E o horário foi pra evitar tráfego pesado.

Bom, naquela sexta-feira de madrugada uma parte da pista caiu a alguns kms de Floripa.

Resultado?

Chegamos na Ponta do Papagaio às 21:30. QUINZE horas depois. E debaixo d’água.

Como Murphy gosta de colaborar, a entrada da pousada é…

Pelo mar! Horror total.

Eu ouvindo os gritos do mulherio dentro do carro, patinando, entrando por trecho errado, voltando… E o marzão ali, rumorejando de sarcasmo…

Nem comento o que aconteceu na estrada, pois…

Foram longas meia-horas de espera. Este era o “time-slice“. Pacotes de 30 minutos.

(Pior foi acessar a internet em Tubarão para checar o site do DNIT a condição da BR-101 e ver dados desatualizados de uma ou duas semanas atrás!)

Eu pegava minha cadeira de praia, sentava em frente ao carro e assistia a fila de veículos parada. Passada meia-hora, todo mundo corria pros carros, andávamos 10 minutos e…

Mais meia-hora estacionados na pista. Os ambulantes da região se fartaram vendendo água mineral, cerveja, etc e até coisas que comento mais adiante.

Veja algumas fotos ilustrativas:

Teve tanta história…

Um sujeito veio caminhando e tentou me extorquir cinco reais. Falei que não tinha. Não pra ele, pois ia gastar tudo na praia. Então tentou me vender um baseado. Falei que pra me deixar alegre só um chimarrão naquela hora. Ele desistiu e foi para o próximo carro.

No caminhão atrás, um sujeito com o volume para todo universo ouvir: “- Camila, rebola no pau!” Ughs…. Dá pra acreditar que alguém faz uma música assim? E outro ouve? E eu também?!?!

OK, Long Tail