Flávio Ribeiro, o pai do Ocomon

Almocei com o criador do Ocomon, o software brasileiro de Help Desk e Service Desk mais disseminado pelo país

Então…

Boa parte dos meus seguidores do blog sabe que tenho certa afinidade com o Flávio. Além de eu ser a) o projetista inicial do www.Fireman.com.br, uma das ferramentas mais bem-sucedidas na área de Help Desk e Service Desk do Brasil, também b) sou gaúcho. Duas semelhanças entre ambos os sujeitos.

E por que não ir visitá-lo em sua cidade, curtir um almoço juntos e conversarmos sobre mercado e a vida?

Foi o que fiz ontem.

Estou aloprado

Muitos acontecimentos geram rebuliço mental no cérebro do Cohen, deixando-o aloprado (inquieto, agitado) Katzo. Preciso trabalhar. Mas também não posso me furtar de registrar alguns acontecimentos importantes acontecendo no mundo. São eles, apenas como pífio adiantamento: Primeiro evento União do HDI e itSMF norte-americanos para realizam um mega-hiper-congressos juntos. Letrinha passada pelo Maurício Renner, editor-chefe…

BI e pérola aos porcos

Hermes Freitas, uma das autoridades em Business Intelligence do Brasil, palestra na minha turma de administração na ESADE

Dando prosseguimento ao meu espírito de aproximar os alunos de administração e contabilidade com o mercado profissional, sexta-feira passada levei outro emérito profissional da área de TI: Hermes Freitas.

A fera foi sócio-fundador e diretor presidente da www.SADIG.com.br por mais de 20 anos. Que é uma das potências na área, desenvolvendo aplicações específicas para esse setor de Business Intelligence. Penalty, Ferramentas Gerais, Vigor e Nutrela foram empresas assessoradas por eles. Depois se tornou meu concorrente, sendo diretor da www.IVIRTUA.com.br, onde ficou por três anos. Agora faz um voo solo aproveitando toda essa bagagem de conhecimento.

Sob os apupos do comício realizado pela Dilma Roussef e o Lula – no exato momento em que o Hermes foi apresentado ouviam-se dezenas de estouros de fogos de artíficio -, o palestrante precisou de calma e paciência por mais de 10 minutos aguardando o encerramento da barulheira, hehe.

Da aula

E lá estava aquela plateia feliz, pois recebera os resultados da prova em que  grande maioria tirou notas de 7 para cima. Bom, hein?!

A condução do papo do Hermes foi bem informal. E tem que ser. Que é pra mobilizar essa gurizada para um assunto tão importante como esse. Afinal, eles escolheram a profissão de administradores e não frente de caixa ou vendedor.

Numa feliz analogia, o palestrante comparou o exército com uma empresa.

E sou obrigado a votar!

Filha do presidente dos Correios é exonerada A primeira notícia é a demissão da filha do presidente dos Correios – o que também pediu (?) demissão – da Casa Civil. Ela ganhava R$ 6.400 mensais para fazer um trabalho “sobre enchentes“. Encheu foi nosso saco com tanta maracutaia e nepotismo cruzado! Palhaço Tiririca pode ficar…

Nem todo funcionário quer decidir

Quando a questão é liderança, nem tudo que funciona pra você, funciona pra mim, por que as pessoas são diferentes!

Ontem chegou um newsletter de entidade coirmã. Um bom apanhado sobre questões de liderança e “como desafiar sua equipe a encontrar soluções”.

Trechinho da recomendação de liderança:

William Edward Deming, reconhecido pela melhoria dos processos produtivos nos Estados Unidos durante a Segunda Guerra Mundial, afirmou certa vez que a tarefa do líder é afastar o medo da organização, de modo que os funcionários sejam encorajados a tomar decisões de maneira autônoma.

A questão é: será que todos os funcionários desejam tomar decisões?

Um dos grandes problemas atuais da nossa comunidade é gente comendo sem mastigar primeiro. Trata-se de uma analogia para um sem-fim de  implementações baseadas em ITIL aqui no Brasil.

comentei esses dias o estupendo sucesso da palestra da Ana Lúcia Martins e Paula Canavesi.

HDI 2010 – A melhor palestra técnica!

A melhor palestra técnica do HDI 2010, em minha opinião, foi capitaneada pelas queridas gurias Ana Lúcia Martins e Paula Cavanesi

Dando sequência ao assunto iniciado lá no dia 12 de junho de 2010, sigo apresentando meus registros do evento que, até o momento, é o maior a nível nacional dos profissionais de suporte técnico, Help Desk e Service Desk.

O último registro foi HDI 2010 – Palestra do Luiz Brasil.

E o que passo a relatar intitula-se, sugestivamente “Mitos e verdades ITIL V2 e V3“.

HDI 2010 – Palestra do Luiz Brasil

Pois que tal?!

Esqueci-me dessa obrigação e promessa aos meus leitores, chê! Só lembrando que o último registro foi esse daqui.

A primeira palestra do Congresso HDI 2010 do segundo dia foi do Luiz. Ele é um dos supervisores da Sonda Procwork que trabalham na área de atendimento ao cliente Petrobras.

Não é pouca coisa, irmão.

O primeiro slide já diz: “50 indicadores, 530 profissionais e 90.000 chamados por mês“.

O título de sua palestra foi “Gestão de crise no atendimento“.

Eu não entendi muito bem o título, mas de qualquer maneira, o que me importava eram o conteúdo e a transmissão de experiências. A Sonda – sob a coordenação do Luiz – cuida de várias áreas de atendimento:  TI (55.000 usuários), SAP (36.000 usuários) e dos fornecedores (41.000 deles externos).